Caminhada da Misericórdia reúne milhares de fiéis em centro histórico de SJDR

2aA tarde do último domingo, 14, entrará para a história da Diocese de São João del-Rei, afinal, em celebração ao Ano Jubilar da Misericórdia, uma procissão inédita ocorreu no centro da cidade, reunindo milhares de fiéis, devotos do Bom Jesus.

Saindo de quatro pontos distintos, andores com as imagens do Senhor Bom Jesus do Bonfim, do Monte, do Lenheiro e do Matosinhos, 1atomaram espaço nas ruas da cidade. Segundo o bispo, Dom Célio de Oliveira Goulart, a iniciativa foi positiva e auxiliou no aprofundamento do ano temático proposto pela papa. “A intenção era transmitir a grandeza da misericórdia de Deus. Ao apresentar as imagens do Cristo Crucificados, despertamos no povo o amor misericordioso do Pai, que cumpriu sua missão, morreu por nós, e nos deu a vida”.

 

Momentos de Emoção

3Grandes emoções cercaram todo o evento, principalmente para os moradores do bairro do Tijuco que, pela primeira vez, viu a imagem do “Senhor do Lenheiro” sair em procissão da Matriz de São José. “Desde que ele foi colocado na Igreja em 1992 ele não saiu de lá. O povo está alegre, feliz, nesse ano jubilar da misericórdia, em poder sair, em procissão, com essa bonita imagem, com um olhar que vela para todo o povo do Tijuco”, explicou Padre Vinícius Idelfonso, pároco da Paróquia São José Operário.

Segundo o sacerdote, as imagens – esculpidas em madeira –  servem de inspiração para uma melhor vivencia nesse ano jubilar. “A partir da contemplação dessas imagens tão belas, que nos remetem ao nosso salvador Jesus cristo, podemos abrir cada vez mais o nosso coração para acolher, assim, a misericórdia do Pai”, destacou.

DSC04060E foram muitos os fiéis que caminharam com o Bom Jesus. Fabiano Pinto por exemplo, devoto desde criança do “Senhor do Bonfim”, acompanhou todo o cortejo ao lado do andor do Padroeiro. Para o jovem, a experiência foi de transformação pessoal. “percebi que a misericórdia, antes de ser uma doação ao irmão, é uma doação de mim mesmo ao Senhor Jesus Cristo. É ter misericórdia de mim para que eu alcance Jesus e possa ser misericordioso com as outras pessoas”.

 

Após a procissão

2Após a chegada das quatro imagens – que retratam o Cristo Crucificado – Padre Geraldo Magela, Pároco da Catedral Basílica de nossa Senhora do Pilar, conduziu um momento de oração e fervor, quando foram direcionadas, em procissão, para a escadaria das Mercês onde ocorreu a celebração da Santa Missa.

Um mar de fiéis ocupou todo o Largo (Das Mercês). Muitos, com celulares e câmeras em mãos, registrando um épico momento 8devocional. Ao som do hino oficial do Ano da Misericórdia, entoado pelos Coroinhas de Dom Bosco, deu-se inicio ao ritos litúrgicos, presididos por Dom Célio, bispo de São João del-Rei, e concelebrados pelo bispo emérito, Dom Waldemar Chaves de Araújo, juntamente com os demais padres da região forânia.

Após a missa, os fiéis puderam “tietar” as imagens, fotografando-as para as redes sociais.

 

12743868_1587849188141551_5486462762717533206_n
Milhares de fiéis participaram da caminhada de fé em temática ao Ano da Misericórdia.

Fotografias de Gabriel Freire / Lucas Silveira / Thiago Morandi

COMPARTILHAR
22 anos. Natural de São João del-Rei. Secretário de Comunicação da Diocese de São João del-Rei, trabalhando no DEDICOM (Departamento Diocesano de Comunicação). Cursa Comunicação Social/Jornalismo na Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ).