Avós de Jesus Cristo recebem homenagens pela Diocese

Muita gente acordou cedo nesta quarta-feira, 26, para homenagear Sant’Ana, avó de Cristo e padroeira das cidades de Barroso e Lavras. No dia festivo, missas e procissões marcaram a festa da santa.

Na cidade de Lavras, Dom Célio de Oliveira Goulart, bispo de São João del-Rei, presidiu a missa festiva em frente a igreja matriz. A cerimônia contou com a presença de diversos sacerdotes da forania, assim como paroquianos e visitantes.

No trajeto da procissão, além do carro com a imagem da padroeira, andores ornamentados pelas comunidades paroquiais. O momento foi de fé e alegria.

Em Barroso, a “cidade que desperta vocações”,o dia também reuniu diversos padres, muitos, natural do município. Durante a última missa, Padre Antônio Claret, recordou o início de sua caminhada sacerdotal e falou da importância devocional aos avós de Jesus. Segundo ele, o casal deve ser modelo de fé para as famílias.

Segundo a tradição católica, Ana não tinha filhos e vivia, junto com o marido Joaquim, em Nazaré. Eles eram estéreis e, certo dia, Joaquim se retirou ao deserto para permanecer 40 dias em completo jejum e oração.

Então, dois anjos foram ao encontro dos dois para anunciar que teriam um filho. Assim, ao nascer, Maria foi oferecida ainda na infância ao serviço do templo.

Devido a sua história, Sant’Ana é considerada a padroeira das mulheres grávidas e dos que desejam ter filhos.

COMPARTILHAR
22 anos. Natural de São João del-Rei. Secretário de Comunicação da Diocese de São João del-Rei, trabalhando no DEDICOM (Departamento Diocesano de Comunicação). Cursa Comunicação Social/Jornalismo na Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ).