Nesse frio, proteja-se!

Com a chegada das estações de outono e, principalmente, inverno vem o frio, o ar seco e consequentemente as doenças respiratórias, entre elas a temida Influenza que, segundo o Ministério da Saúde, é comumente conhecida como gripe. É uma doença viral, febril, aguda, geralmente benigna. Frequentemente é caracterizada por início abrupto dos sintomas que são predominantemente sistêmicos, incluindo febre, calafrios, tremores, dor de cabeça, mialgia (dor no corpo), e anorexia (falta de apetite), assim como sintomas respiratórios, com tosse seca, dor de garganta e coriza. A infecção geralmente dura uma semana e com os sintomas sistêmicos persistindo por alguns dias, sendo a febre o mais importante. Façamos uma reflexão!

As mãos são, sem dúvida, uma das partes mais importantes do nosso corpo, uma vez que nos facilita a realização de muitas tarefas cotidianas e atividades que certamente seriam complicadas ou difíceis de efetuar sem sua presença.

Com esses conceitos podemos ter a capacidade de entender que a mesma mão que acalenta, que cuida, que alimenta, é capaz de causar dor, de ferir e de transmitir doenças.

Aprendemos que nunca podemos tossir ou espirrar sem proteger a boca e o nariz com as mãos – mesmo usando lenços – isso porque as nossas mãos se sujam com facilidade e quando espirramos ou tossimos as mesmas se tornam contaminadas por vírus e bactérias que saem das nossas vias respiratórias podendo transmitir doenças a nossos familiares, nossos amigos, nossos colegas e até para as pessoas que não temos nenhum vínculo afetivo. Isso acontece porque os micro-organismos ficam impregnados em nossas mãos, assim quando tocamos, quando abraçamos, quando oferecemos “alimento”, passamos esses micro-organismos para as pessoas tornando-as susceptíveis a adquirir doenças.

Precisamos nos proteger: lavando as mãos com água e sabão, utilizando álcool gel a 70% quando não tivermos água e sabão disponível, evitar lugares fechados, utilizar o braço e não as mãos para proteger o nariz e a boca ao tossir e espirrar.

A prevenção através do conhecimento e da informação é a melhor arma contra a transmissão de doenças. Nesse frio, proteja-se!