Paróquia do Senhor Bom Jesus de Matosinhos (SJDR)

Forania de São João del Rei

Padroeiro: Senhor Bom Jesus de Matosinhos

Dia maior: 14 de Setembro

Pároco: Pe. José Bittar

Vigário: Pe. Sérgio França

bom_jesus_matosinhos

História

A primeira capela em honra ao Senhor Bom Jesus de Matosinhos, em São João Del Rei – MG, foi fundada em 19 de maio de 1774, passando a abrigar a imagem do padroeiro, proveniente de Portugal. A devoção ao padroeiro na região, na época conhecida como Vargem do Porto Real, já havia se expandido anos antes, com documentos comprobatórios datados de 1750.

Quase dois séculos após a construção da primeira capela, em 25 de outubro de 1959, foi criada a Paróquia do Senhor Bom Jesus de Matosinhos, cabendo ao Reverendíssimo Cônego Vicente Diláscio, representando o então arcebispo de Mariana – Dom Oscar de Oliveira, erigir canonicamente a nova Paróquia. A seguir, Pe. Jacinto Locato Filho, torna-se o primeiro pároco de Matosinhos.

Com o crescimento do bairro, a Matriz em situação crítica de conservação, também se tornou pequena demais para acomodar os fiéis do Bom Jesus. Logo, a pequena igreja foi demolida dando lugar a uma igreja do tamanho do coração do povo. Então, em 1º de janeiro de 1980 a Nova Matriz foi consagrada por Dom Delfim Ribeiro Guedes.

Em 14 de setembro de 2003, a Matriz foi elevada à categoria de Santuário Diocesano pelo bispo da Diocese, dom Waldemar Chaves de Araújo. Nos termos dos documentos da Igreja Católica, sob o nome de Santuário, entende-se lugar especial de encontro com a Palavra de Deus e de peregrinações.

A paróquia, no seu intenso caminho pastoral, conta com 10 pastorais e 17 movimentos eclesiais. Uma vida que se difunde na imensa extensão territorial da paróquia, que hoje conta aproximadamente 40.000 habitantes. Além do Santuário, conta com 19 Comunidades, sendo 18 urbanas e 1 rural. Dentre estas, as comunidades Santa Teresinha e Santo Antonio do Carvoeiro, na zona rural, contam com igrejas construídas a varias décadas. Outras estão em construção, outras têm locais de culto em salões ou espaços privados concedidos por paroquianos.

Dentre as festas tradicionais, destacam- se o Jubileu do Senhor Bom Jesus de Matosinhos, que acontece de 05 a 14 de setembro e o Jubileu do Divino Espírito Santo, realizado nos dias antecedentes à festa de Pentecostes.

Jubileu do Senhor Bom Jesus de Matosinhos

Em São João Del Rei, a festa em honra ao Senhor Bom Jesus de Matosinhos é uma das mais antigas da cidade, tendo iniciado ainda no século XVII, em 1774, com a construção da primeira capela do Senhor Bom Jesus de Matosinhos.

As festividades foram crescendo com o tempo e em 1783 a festa recebeu concessão jubilar do Papa Pio VI. Jubileu quer dizer perdão, libertação, benefícios espirituais. O ano jubilar é considerado um ano de renascimento espiritual e de encontro pessoal com Cristo, e era celebrado de sete em sete anos. O Ano Jubilar era anunciado tocando-se uma trombeta, que em hebraico é Jobel, por isso o nome Jubileu.

A festa em honra ao Senhor Bom Jesus de Matosinhos era celebrada na Segunda-feira que sucedia o domingo da solenidade de Pentecostes. Desta forma, o Jubileu prosseguiu até 1924. Após a instalação da Paróquia do Senhor Bom Jesus de Matosinhos, em 1960, o jubileu foi retomado e fixado no dia 14 de setembro, Festa Litúrgica de Exaltação da Santa Cruz. Até hoje todos os anos, no dia 14 de setembro, no bairro de Matosinhos em São João Del Rei, comemora-se o dia maior do Jubileu do Senhor Bom Jesus de Matosinhos, antecedido pela novena e missas diárias. O Jubileu é uma festividade muito importante, com grande expressão de fé, devoção ao Senhor Bom Jesus de Matosinhos e exaltação da paixão de Cristo.

Imagem do Senhor Bom Jesus de Matosinhos

A imagem de Nosso Senhor Crucificado foi esculpida em cedro, no século XVIII em Portugal na cidade de Matosinhos. Com altura de dois metros, a imagem retrata Cristo Vivo, assinalando filetes e coágulos de sangue pelo corpo. Tais características são próprias do estilo barroco, movimento artístico da época, revelando profundo realismo em seus traços e pintura.

Em 1774, a primeira capela em honra ao Senhor Bom Jesus de Matosinhos, em São João Del Rei, recebe a grande imagem como padroeira, tornando-se então conhecida como a imagem do Senhor Bom Jesus de Matosinhos. Mais tarde, o pequeno povoado existente ao redor da capela recebe o nome de bairro de Matosinhos em homenagem à imagem proveniente de Portugal.

Hoje, a imagem é evidenciada no interior do Santuário diocesano do Senhor Bom Jesus de Matosinhos, e todos os anos, no dia maior do Jubileu do Senhor Bom Jesus de Matosinhos, a imagem é levada em procissão pelas ruas do bairro de Matosinhos, para uma manifestação pública de fé e devoção.

Hoje estão à frente da Paróquia, o pároco Pe. José Bittar e o vigário paroquial, Pe. Sérgio França. Foi o antigo pároco, Pe. José Raimundo da Costa, que deu inícios aos trabalhos de comunicação na paróquia como forma evangelizadora. O uso de tais mecanismos acabou tornando-se uma das peculiaridades da Paróquia do Senhor Bom Jesus de Matosinhos.

Diariamente, são produzidos e transmitidos programas de rádio que levam aos ouvintes de SJDR e região palavras de amor, de fé, além de informações sobre Igreja e de prestação de serviço. A Paróquia possui um programa de televisão, produzido e veiculado semanalmente pela equipe da Pastoral de Comunicação Social. A televisão ainda transmite ao vivo do santuário, a missa realizada aos domingos, às 8 horas. E o site de notícias que pretende levar aos fiéis informações sobre os acontecimentos da Paróquia e sobre a devoção ao Senhor Bom Jesus de Matosinhos, além de servir também como espaço para pedido de orações e manifestações de fé.

Praça Sr. Bom Jesus de Matosinhos, 386 – Matosinhos

CEP.: 36305-142    São João del Rei/MG

Tel.: (32) 3371-5224