Porta Santa é aberta na Diocese de SJDR

Na manhã do último domingo, 13, Dom Célio de Oliveira Goulart, bispo de São João del-Rei, abriu a Porta Santa da Catedral Basílica de Nossa Senhora do Pilar, dando abertura ao Jubileu Extraordinário da Misericórdia proclamado pelo Papa Francisco. Além da Catedral, outras 39 Paróquias também realizaram o ato.


Iniciado na Igreja de Nossa Senhora do Rosário, a cerimônia contou com cânticos, orações e leitura da Bula de proclamação Misericordiae Vultus. Em seguida, centenas de fiéis saíram em procissão até a Catedral do Pilar, para a abertura da Porta Santa. No trajeto, os fieis entoavam a Ladainha de Todos os Santos.

Em frente à Catedral, Dom Célio abriu a Porta Santa, pela qual também passaram os demais sacerdotes presentes (Dom Waldemar, bispo emérito; Pe. Geraldo Magela, pároco; Pe. Ramiro e Pe. Álisson, vigários paroquiais; Monsenhor Juvenal e Monsenhor Flávio) e fiéis. No interior da Matriz, o bispo recordou o Sacramento Batismo com a aspersão da Água Benta e presidiu a Santa Missa do 3º Domingo do Advento.

Segundo Papa Francisco, atravessar a Porta Santa exige um comprometimento com a adoção da misericórdia do bom samaritano. “Entrar por aquela Porta significa descobrir a profundidade da misericórdia do Pai que a todos acolhe e vai pessoalmente ao encontro de cada um. É Ele que nos procura, que vem ao nosso encontro. Neste Ano, deveremos crescer na convicção da misericórdia”, afirmou o Pontífice.

Ano da Misericórdia

O Jubileu Extraordinário da Misericórdia, o Ano Santo, tem o lema “Misericordiosos como o Pai” (Lc 6,36) e foi anunciado pelo Papa Francisco no dia 13 de março de 2015. Iniciado no dia 08 de dezembro deste ano, na Solenidade da Imaculada Conceição, o ano temático tem o seu encerramento no dia 20 de novembro de 2016, na Solenidade de Nosso Senhor Jesus Cristo, Rei do Universo.

Na Igreja Católica, em geral a cada 25 ano é proclamado um Jubileu para celebrar algo em especial, mas é possível que o Papa proclame um Jubileu Extraordinário, como o fez agora, que promulgou o próximo ano como santo para que seja “o tempo favorável, o dia da salvação” (2 Cor 6,2). “Há momentos em que somos chamados, de maneira ainda mais intensa, a fixar o olhar na misericórdia, para nos tornarmos nós mesmos sinal eficaz do agir do Pai. Foi por isso que proclamei um Jubileu Extraordinário da Misericórdia como tempo favorável para a Igreja, a fim de se tornar mais forte e eficaz o testemunho dos crentes”, escreveu o Santo Padre na Bula.

Na Diocese

Em distintos horários, o domingo foi marcado pela abertura da Porta Santa nas 40 Paróquias da Diocese. Confira o giro fotográfico em algumas delas:

FOTOS DE ALGUMAS PARÓQUIAS

Paróquia Catedral Basílica Nossa Senhora do Pilar / SJDR

DSC00557

Paróquia São João Bosco / SJDR

Dom Bosco sjdr

Paróquia Senhor Bom Jesus de Matosinhos / SJDR

P Matosinhos

Paróquia Nossa Senhora da Conceição / CBM

P Nossa Senhora da Conceição CBM

Paróquia São Sebastião / SCM

P Sao Sabastiao SCM

Paróquia Nossa Senhora das Dores / Dores de Campos

P Matosinhos P N S Dores dores de Campos

Paróquia Nossa Senhora da Conceição / Prados

P Nossa Senhora da Conceição Prados

Paróquia Sant’Ana / Barroso

P Sant'Ana Barroso

Paróquia Nossa Senhora Mãe de Deus / MDM

Paroquia Mae de Deus, Madre de Deus de Minas

Paróquia Nossa Senhora do Porto da Eterna Salvação / Andrelândia

Paróquia n S do Porto da Eterna Salvação Andrelândia

Paróquia Santo Antônio / Itutinga

Paroquia Santo Antônio Itutinga

Paróquia Nossa Senhora de Fátima / Lavras

Paroquia Nossa Senhora de Fátima Lavras

COMPARTILHAR