Santo das causas impossíveis é festejado em São João del-Rei

Fotografias: Pascom São Judas

No dia 28 de outubro, os católicos celebraram São Judas Tadeu, um dos doze apóstolos de Jesus Cristo. Conhecido em todo o mundo com o título de Patrono dos aflitos e das causas desesperadas, o santo arrastou centenas de devotos na noite de domingo, pelas ruas de São João del-Rei.

Na paróquia, localizada no bairro Caieiras, as missas tiveram início logo cedo. Ao todo, cinco celebrações foram realizadas na comunidade. Na última, realizada na parte externa da matriz, os fiéis ficaram atentos a palavra do administrador diocesano, padre Dirceu medeiros, que presidiu o rito eucarístico. Após a missa os fiéis saíram em procissão.

Da varanda da casa do filho, Magda Loiolla acompanhava a passagem do cortejo. Com casa ornamentada, a dona de casa agradecia ao santo o abandono do filho com o vício das drogas. “Minha família toda é devota. Agradeço muito a ele (o santo)”.

À entrada, padre Geraldo Magela, pároco da Catedral, ficou encarregado de animar a chegada da procissão. Com sua voz firme, o sacerdote pedia as benção de Deus e a intercessão do santo.

A programação festiva encerrou com benção do Santíssimo Sacramento e Hino de Ação de Graças. Este ano a festa teve como tema “A santidade é a meta daqueles que vivem a radicalidade do seu apostolado”.

23 anos. Natural de São João del-Rei. Secretário de Comunicação da Diocese de São João del-Rei, trabalhando no DEDICOM (Departamento Diocesano de Comunicação). Cursa Comunicação Social/Jornalismo na Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ).