Projeto Pessoal de Vida é tema de retiro de lideranças juvenis

Nos dias 05 e 06 de agosto, na Casa de Retiros do Sagrado Coração, dos Padres Dehonianos em Lavras, aconteceu o Encontro/Retiro do Setor Juventude da Diocese de São João del Rei-MG. 71 coordenadores de grupos juvenis fizeram-se presentes para este momento de formação, oração e partilha de vida.

Para os momentos de reflexão, foi trabalhado o tema Projeto Pessoal de Vida, levando em consideração a preocupação do Papa Francisco com jovens em relação à “Fé e o discernimento vocacional”, tema do próximo sínodo dos bispos na XV Assembleia Geral Ordinária. “O Encontro-retiro é muito válido para os jovens coordenadores dos grupos juvenis, pois todos precisam se formar para estarem mais aptos para o ministério da coordenação. É um ministério passageiro, mas que deve ser exercido com seriedade e profundidade. No Encontro-retiro deste ano, os jovens participantes demonstraram mais maturidade e vontade para o momento e a dinâmica própria desenvolvida pelos assessores do setor”, explica o salesiano padre Roberto Modesto, que acompanha os jovens nos trabalhos diocesanos.

Logo pela manhã de sábado, Dom Célio de Oliveira Goulart, bispo de São João del-Rei, marcou presença do evento. Com breves palavras, destacou o mês vocacional e a importância do discernimento. Além do bispo, passaram também os padres Clayton Nogueira, Reginaldo Sturion, Odair Carvalho e Marcos Alexandre. O diácono Samuel Detomi participou de toda a programação.

Para o coordenador do Setor, Pedro Augusto, o evento correspondeu às expectativas e contou com uma participação expressiva das paróquias. “Vemos que o esforço de cada assessor na articulação constante das expressões juvenis não tem sido em vão. O Setor Diocesano da Juventude está empenhado e preocupado com a formação dos coordenadores e líderes juvenis. Nossa esperança se revigora a cada evento em que conhecemos jovens dispostos a dar tudo pela construção da Civilização do Amor aqui e agora”, destaca.

Para quem participou, o momento foi de grande aprendizado. “Foi um encontro pessoal comigo mesmo. Refleti sobre a vida e pude me conhecer melhor em vista dos projetos, sonhos e missão na Igreja. Isso é bom pois possibilitará caminhos novos que devo seguir, tanto na vida como na caminhada de grupo, sendo dinâmico, perseverante e responsável”, pontua Victor Rocha, que saiu do distrito do Rio das Mortes para participar do evento.

E a missão não para por aí. Victor Carvalho, por exemplo, voltou para casa com ideia de partilhar com os amigos todo o aprendizado. “Foi muito bom para mim. Me ajudou, um pouco, no meu discernimento. Acho necessário dividir a experiência com o grupo. Afinal, conhecimento que a gente ganha deve ser compartilhado”, planeja o jovem que integra o grupo Juventude Missionária, em São João del-Rei.

“Foi muito bom poder me silenciar para ficar ainda mais pertinho de Deus e do que ele tem como proposta de vida para mim. Estava tudo muito bom, pessoas maravilhosas, assim como a comida. Com certeza o amor neste retiro estava presente. Sinto-me renovada para poder repassar tudo que senti, aprendi, para os jovens lindos da minha comunidade”, postou a jovem Mirelle Sousa na página do Setor, nas Redes Sociais.

Além das palestras e reflexões o evento contou com momento mariano, celebrações de missas, confraternizações e roda de conversa.

Fotografias de Guilherme Dias

COMPARTILHAR
22 anos. Natural de São João del-Rei. Secretário de Comunicação da Diocese de São João del-Rei, trabalhando no DEDICOM (Departamento Diocesano de Comunicação). Cursa Comunicação Social/Jornalismo na Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ).