Comunidade Cristo Rei festeja padroeiro e celebra seu 30º aniversário

A Igreja celebrou no dia 26 de novembro a Solenidade de Cristo Rei e o dia dos cristãos leigos e leigas. A festa de Cristo Rei foi instituída pelo Papa Pio XI e nos ensina que tudo converge para Cristo, sua pregação e o anúncio do Reino de Deus. A celebração é marcada pelo encerramento do Ano Litúrgico. Na Paróquia Menino Jesus de Praga o dia é de festa, principalmente para os moradores do bairro Bom Pastor. Na comunidade dedicada ao Cristo Rei do Universo, na Paróquia Menino Jesus de Praga, missas e procissão marcaram a programação.

Segundo o coordenador da comunidade, Claudio Guimarães, a festa atrai toda a população, inclusive durante a novena. “Celebrar o padroeiro para nós significa fechar um ano de trabalho. É um momento especial de Ação de Graças a Deus por nos ter concedido a oportunidade de vivermos e trabalharmos na obra em favor do seu Reino. Como coordenador da Comunidade Eclesial Cristo Rei, posso dizer que trazemos em nós organizadores a expectativa de que seja um momento forte de orações, fraternidade e amor a Jesus Cristo. Tentaremos vivenciar nestes dias os 30 anos de caminhada da nossa comunidade, o encerramento do Ano Litúrgico”, pontua Claudio Guimarães.

Este ano a festa teve como tema “Somos povo de Deus a caminho” e celebrou com júbilo os 30 anos da comunidade. “A festa de 30 anos em honra ao Cristo Rei, para mim, foi uma benção. As celebrações e a novena foram maravilhosas. Só tenho a agradecer pela oportunidade de poder trabalhar junto da comunidade, com pessoas bacanas, e ao padre pelas celebrações lindas”, destaca a devota Regina. Pensamento similar a de Maria do Carmo. “A festa foi muito especial pra mim, principalmente no dia da adoração ao Santíssimo porque eu senti a presença real de Jesus, ali, na Hóstia Consagrada”.

Mais uma vez o jovem Éric Freitas ficou responsável pela ornamentação da festa. Morador da comunidade, ele vê sua contribuição como uma forma de render graças à Deus pelo dom recebido. “A festa de Cristo Rei sempre é um momento muito marcante em nossa comunidade, são dias de oração que se intensificam ainda mais, sendo um tempo de muitas graças a bênçãos. Desde pequeno sempre fui muito ativo na comunidade seja como coroinha, sineiro, decorador e neste ano também atuando como sacristão, zelando pelas alfaias, pelos objetos litúrgicos usados na Santa Missa, um compromisso e tanto para deixar tudo nos conformes e poder bem celebrar esta importante festa para nós. Agora passada a festa vemos o quão gratificante é poder ajudar de alguma forma, que embora o cansaço chegue em alguns momentos não me deixei desanimar”, pontua.