Famílias mantém tradição de montar presépios no Natal

O mês de dezembro é todo cercado por aquele gostoso clima de natal. Vivenciando o Tempo do Advento, o período serve de motivação para decorar arvores, acender luzes e, principalmente, montar presépios.

A representação é um costume que começou há muito tempo na história. Revestido de um significado profundo, que remete ao projeto de Deus para humanidade por meio do seu Filho Jesus, o presépio, como uma saudável Tradição Cristã, deve levar os fiéis a uma experiência do amor de Deus, do desapego, da fraternidade e da paz. O termo vem do latim Praesaepe, que significa estrebaria ou curral. A presença do Menino Jesus no estábulo demonstra a grandeza de Deus representada na fragilidade de uma criança.

Para aqueles que frequentam as igrejas da região já conseguem apreciar a montagem ou a conclusão das peças dos presépios de Natal. Anjos, pastores, magos e diversos animaizinhos já estão “a postos” para a vinda do Messias. Mas se engana quem pensa que a arte é exclusiva para os templos religiosos. São muitas as pessoas que ainda possuem o costume de fazer a montagem da cena no interior de suas casas. Veja:

26 anos. Natural de São João del-Rei. Secretário de Comunicação da Diocese de São João del-Rei, trabalhando no DEDICOM (Departamento Diocesano de Comunicação). Formado em Comunicação Social/Jornalismo pela Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ).