Festa do Bom Jesus do Lenheiro e benção de imagens marca programação em paróquia do Tijuco

Tem início nesta terça-feira, 31, o tríduo em preparação da Festa em honra ao Senhor Bom Jesus do Lenheiro, na paróquia de São José Operário. Esta é a terceira edição da festa que já acarreta uma antiga devoção paroquial. A imagem foi colocada na Matriz no início da década de noventa e agora sai na véspera do domingo da Transfiguração do Senhor.

Em todos os dias, às 18h30, o tríduo se inicia com a recitação do santo Terço e benção do Santíssimo Sacramento. A Celebração da Eucaristia começará às 19h e em seguida as orações do tríduo em preparação a festa.

Para este ano a comunidade paroquial do Tijuco acolherá como pregadores os padres Dirceu Medeiros, administrador diocesano e pároco da Paróquia de Nossa Senhora da Conceição em Prados; Vitor Bertulino da Silva, pároco da Paróquia de Santo Antônio em Itutinga e Pedro Jesus Wierman, pároco da Paróquia de São Sebastião em Santa Cruz de Minas.

No dia 3 de agosto, dia maior da festa, a programação começa cedo. Às 7h30, adoração e bênção do Santíssimo Sacramento e Santa Missa. Na hora da misericórdia, às 15h, recitação do terço da Misericórdia e às 19h, Santa Missa festiva. Em seguida da piedosa procissão do Bom Jesus do Lenheiro que percorrerá algumas ruas do bairro do Tijuco. Na chegada solene benção do Santíssimo Sacramento.

Agonia de São José

A festa prossegue o final de semana com a benção das imagens do cenário da “Agonia de São José”. Confeccionada pelo escultor sacro, Osni Paiva, autor das imagens que se encontram no altar da Matriz e da imagem de São José Operário, a cena da agonia retrata o trânsito do pai adotivo de Jesus, deitado no colo da Virgem Maria e Jesus Cristo segurando a sua mão.

A benção das imagens será no dia 04 de agosto na Igreja Catedral de Nossa Senhora do Pilar, às 19h, e depois seguirá em procissão até a Igreja de São José Operário.

No domingo, 05, às 14h, no salão paroquial de São José, acontece um show de prêmios em prol das imagens e construção da capela da agonia, onde as imagens ficarão expostas.