Programação especial marca celebração dos 50 anos de sacerdócio de Padre José Bittar

A Paróquia Senhor Bom Jesus de Matosinhos está em clima de festa pelas comemorações de 50 anos de sacerdócio do pároco, Padre José Bittar. Há meses o sacerdote vem realizando diversas celebrações e confraternizações pelos lugares onde desempenhou seu ministério. São muitas as manifestações de carinho, amizade e agradecimento, vindo de pessoas nas mais distintas idades.

A programação teve início em janeiro, mas o ápice das celebrações vão acontecer a partir deste sábado, dia 04, com o início da preparação para o Jubileu Áureo Sacerdotal. No dia 11 de maio vai haver missa alvorada festiva, apresentação musical da Banda Sinfônica do Santuário Senhor Bom Jesus de Matosinhos e missa solene de Ação de Graças.

Sobre o sacerdote

José Bittar nasceu no dia 09 de agosto de 1949, na cidade de São João del-Rei, Minas Gerais. Filho de Paulo Bittar e Luiza Arnalda Bittar, foi batizado na então Igreja Matriz de Nossa Senhora do Pilar, atual Catedral Basílica, no dia 28 de agosto de 1949. Recebeu o Sacramento da Eucaristia pela primeira vez no dia 29 de maio de 1955.

Seus estudos iniciaram na Escola João dos Santos, cursando o Jardim de Infância e o concluindo em 1956. O Primário, realizado na mesma Escola, foi finalizado em 1960. Tomou-se seminarista na Diocese de São João del-Rei no dia 28 de abril de 1962, estudando no recém-instalado Seminário Diocesano São Tiago, em Tiradentes, cursando o Primeiro Grau até o ano de 1966. O Segundo Grau foi realizado no Colégio Santo Antônio em São João del-Rei. Estudou Filosofia na Faculdade Dom Bosco de Filosofia, Ciência e Letras na mesma cidade. Os estudos teológicos aconteceram, a seguir, no Seminário Arquidiocesano Santo Antônio em Juiz de Fora.

O seminarista José Bittar foi ordenado Diácono para a Igreja de São João del-Rei no dia 17 de dezembro de 1973, na Catedral Basílica de Nossa Senhora do Pilar, pelo então bispo diocesano Dom Delfim Ribeiro Guedes. Exerceu o seu ministério diaconal na Paróquia de Nossa Senhora da Conceição em Carrancas, sob o acompanhamento do então pároco Padre Jair dos Santos Pinto. Foi ordenado sacerdote em 10 de maio de 1974 pelas mãos de Dom Delfim, também na Catedral do Pilar.

Entre os anos de 1974 e 1980, Padre José Bittar atuou como vigário paroquial na Paróquia de Nossa Senhora da Conceição de Carrancas, Minas Gerais. Neste período, trabalhou como professor na Escola Estadual Sarah Kubitschek em Carrancas, até o ano de 1979. No dia 10 de setembro de 1978, é nomeado Pároco da Paróquia do Sagrado Coração de Jesus em Minduri, Minas Gerais. Na cidade de Minduri atuou como professor, vice-diretor e diretor da Escola Estadual Fernando Melo Viana no período entre 1979 a 2000.

Nos anos seguintes, atuou como padre voluntário no atendimento a algumas comunidades rurais da Paróquia de Nossa Senhora Mãe de Deus em Madre de Deus de Minas. Posteriormente, auxiliou como padre voluntário e vigário paroquial na Paróquia de São José Operário em São João del-Rei, ajudando o então pároco, Monsenhor Juvenal Vaz Guimarães Filho, no atendimento e trabalho pastoral da paróquia. Neste mesmo período, serviu a Diocese de São João del-Rei como Coordenador de Pastoral por dois mandatos.

No dia 16 de março de 2011, Padre José Bittar foi nomeado pároco da Paróquia Santuário do Senhor Bom Jesus de Matosinhos em São João del-Rei, pelo saudoso bispo diocesano Dom Célio de Oliveira Goulart, onde até hoje, exerce com zelo e dedicação o seu ministério ordenado e seu trabalho pastoral.