Ritápolis realiza festa em honra à São Pedro e São Paulo

A tradicional festa dos santos católicos Pedro e Paulo já é presença garantida no calendário religioso de muitas paróquias. Em Ritápolis, a festa de concentra na comunidade dedicada aos santos. A programação contou com missa solene com a participação de toda a comunidade paroquial, benção de chaves, procissão e queima da fogueira.

A origem desta celebração é muito antiga e, supostamente, ocorre em 29 de junho pois teria sido a data do aniversário de morte e do translado das relíquias de ambos os santos.

Pedro era um pescador, foi apontado por Jesus como seu sucessor entre os doze apóstolos e teve a missão de construir uma igreja que continuasse a obra de Jesus. Por outro lado, Paulo de Tarso não esteve entre os doze discípulos que seguiram Jesus mais de perto e inclusive, perseguia cristãos. No entanto, converteu-se e tornou-se um dos grandes evangelizadores da igreja primitiva.

Ambos morreram martirizados. São Pedro foi crucificado, mas pediu para que a cruz ficasse de cabeça para baixo, pois não se sentia digno de ter a mesma morte que seu mestre. Já São Paulo foi degolado em Roma.

Esta data ainda é considerada o Dia do Papa, pois São Pedro foi o primeiro Papa da Igreja, além de ter sido o que permaneceu por mais tempo com esse título.

24 anos. Natural de São João del-Rei. Secretário de Comunicação da Diocese de São João del-Rei, trabalhando no DEDICOM (Departamento Diocesano de Comunicação). Cursa Comunicação Social/Jornalismo na Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ).