4ª Semana Brasileira de Catequese discute transmissão da fé às novas gerações

Entre os dias 14 e 18 de novembro aconteceu em Itaici, Indaiatuba (SP), a 4ª Semana Brasileira de Catequese. O evento reuniu bispos, padres e representantes leigos, dentre eles, padre Jorge Fonseca, co-assessor da catequese da Diocese de São João del-Rei. O objetivo era de compreender a catequese de inspiração catecumenal a serviço da iniciação à vida Cristã, buscando novos caminhos para a transmissão da fé, no contexto atual.

Segundo padre Jorge, o evento “foi muito produtivo e rico em informações e novidades na temática, principalmente na formação batismal e catequese de adultos. Eventos assim são importantes por reunir representantes de todo o brasil e partilhar as experiencias e vivências catequeticas”.

Logo na abertura, a coordenadora da Catequese no Regional Leste 2 (Minas Gerais e Espírito Santo) da CNBB, Lucimara Trevizan, fez memória das Semanas Brasileiras de Catequese destacando o conteúdo, detalhes dos participantes e compromissos de cada uma.

No manhã dia 15, o professor Edward Guimarães, da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-Minas), conduziu a primeira conferencia do dia, abordando a temática “Anunciar-testemunhar Jesus Cristo num mundo plural: novos interlocutores”. Na ocasião, ele ressaltou que ser cristão deixou de ser um desafio diário de conversão e que a vida cristã não tem provocado mudança no agir das pessoas. “A conversão deixou de ser critério de inserção na comunidade que não exige um itinerário de fé. As mudanças do mundo atual exigem que se mude o jeito de acolher e viver a fé cristã”, disse.

Irmã Vera Bombonatto apresentou a segunda conferência do dia sobre o “Seguimento de Jesus e o sentido da vida”. A religiosa questionou o que significa seguir Jesus, hoje, na sociedade pós-moderna e na cultura digital. Destacou, entre outras coisas, que o evento fundante do cristianismo é a relação profunda e pessoal com Jesus e seu projeto.

No período da tarde foram realizadas 20 oficinas. Tais atividades aprofundaram o tema geral e os temas das conferências. A programação contou ainda com outras palestras sobre “O Querigma e a transmissão da fé no contexto atual”, apresentada por dom Leomar Antonio Brustolin, bispo auxiliar de Porto Alegre; “Do encontro com Jesus ao encontro com o irmão: viver em comunidade”, por dom José Antonio Peruzzo, arcebispo de Curitiba e presidente da Comissão Bíblico-Catequética da CNBB; “Celebrar e iniciar ao mistério: a Liturgia”, por padre Thiago Faccini Paro, assessor do Setor Espaço Litúrgico da CNBB; e  “A catequese na era digital: novas linguagens, novos processos de comunicação”, por Moisés Sbardelotto.

Houve, também, momento cultural e homenagem ao padre Zezinho, por seu trabalho de evangelização e catequese, sobretudo, através da música.

Fonte: cnbbleste2.org.br