4º Domingo do Advento

Mt 1,18-24

 “José, Filho de Davi, não tenhas medo de receber Maria como tua esposa, porque ela concebeu pela ação do Espírito Santo”

No 4º Domingo do Advento lemos o evangelho de Mt 1,18-24. No evangelho de Mateus o anúncio do nascimento de Jesus é feito a José e não a Maria, como em Lucas. Esta diferença existente entre os evangelistas não é importante, pois não estamos a procura de fatos históricos; interessa, sobretudo, perceber o que a catequese cristã primitiva nos ensina, através destas narrações, sobre Jesus.

O anúncio a José segue o esquema dos relatos veterotestamentários, nos quais se anuncia o nascimento de uma pessoa importante. Neste anuncio temos sinais divinos como a aparição do anjo em sonho; que causa certo espanto e o enviado de Deus diz qual será a missão da pessoa que vai nascer. O intuito deste comunicado é dizer que desde o nascimento a pessoa está vinculada a um projeto divino.

A perícope deste evangelho nos diz que Jesus vem de Deus e ensina também qual será a missão de Jesus, pois o nome que lhe é dado mostra aquilo que ele veio realizar na terra. O nome Jesus significa “Deus salva”; é isto que Cristo veio fazer: salvar o ser humano. O evangelho mostra também que ele é o Messias da descendência de Davi, do qual os profetas falaram.

Por fim, é necessário destacar a figura de José. A bíblia fala pouco de José, mas na passagem vemos que o anjo se reporta a José como descendente de Davi. É José quem garante a Jesus a linhagem davídica. Por conta de São José Jesus passa a fazer parte da família do Rei Davi e a ser a esperança para a restauração desse reino ideal de paz e de felicidade pelo qual todo o Povo esperava. Pela obediência de José, realizam-se os planos e as promessas de Deus ao seu Povo.

25 anos. Natural de São João del-Rei. Secretário de Comunicação da Diocese de São João del-Rei, trabalhando no DEDICOM (Departamento Diocesano de Comunicação). Formado em Comunicação Social/Jornalismo pela Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ).