A nível paroquial, jovens celebram o DNJ na Diocese

O Dia Nacional da Juventude foi celebrado neste domingo, 24, em toda a Diocese de São João del-Rei. Nesse ano de 2021, os jovens refletiram o lema “Que sejam um!” (Jo 17,21), um convite à unidade, para que todos sejam um em Cristo e para que todos os jovens tenham vida.

O Dia Nacional da Juventude (DNJ) surgiu em 1985, durante o Ano Internacional da Juventude, promovido pela Organização das Nações Unidas. Estava evidente que a juventude precisava mobilizar-se e construir espaços de participação, para pensar e repensar uma nova sociedade.

O DNJ é um momento de confraternização, de reflexão, de evangelização e de missão. É oportunidade de testemunhar a alegria de ser jovem, seguidor de Jesus, parte de uma Igreja em saída. De revelar o dinamismo, a criatividade, a alegria e o rosto jovem no âmbito da Igreja.

Em razão da pandemia da Covid-19, o DNJ desse ano foi celebrado a nível paroquial, mas, nem por isso, perdeu sua importância, brilho e relevância na caminha juvenil dentro da Igreja Diocesana. “Foi muito bonito ver esse envolvimento dos jovens. Tamanha disposição, entusiasmo e alegria em ser evangelizadores”, pontuou o bispo diocesano, Dom José Eudes Campos do Nascimento. OUÇA O AUDIO COMPLETO!

Segundo a coordenadora do setor Juventude, Alice Barros, os jovens apoiaram o evento a nível paroquial e realizaram além do cronograma proposto, com muita animação, gincanas, adoração, teatro e, principalmente, muita oração.

“A juventude é muito criativa, um evento presencial como esse era o que faltava para reviver o jeito de ser jovem de nossa Diocese, dadas as tantas privações que tivemos devido a pandemia. Foi uma proposta excelente a realização do DNJ presencial, por paróquias, isso abre portas para que voltemos com as atividades do setor totalmente presenciais a partir de agora, claro, avaliando todos os riscos que ainda temos”.

Após o evento, Alice vê novas possibilidades quanto ao futuro dos encontros juvenis na região. “A equipe de assessoria deve se reunir após este evento maior e definir o cronograma para o próximo ano, onde teremos assembleia diocesana da juventude, evento este muito importante, que define os rumos do nosso setor. Acreditamos que, passo a passo vamos reconstruir os eventos, adaptar e melhorar para a nossa realidade. Podemos esperar coisas grandiosas de nossa juventude”, pontua.

Realizando o seu trabalho pastoral na Paróquia Senhor Bom Jesus de Matosinhos, o seminarista Jeferson Coimbra vem acompanhando os passos dos grupos juvenis da comunidade. Na preparação do DNJ não foi diferente. “Este ano, mesmo que a nível paroquial, conseguimos nos reunir e celebrar juntos após tanto tempo de encontros virtuais. É um momento de realce da juventude pois, como nos diz o Papa Francisco, os jovens não são somente o amanhã da Igreja, mas já são a Igreja de hoje, o agora de Deus”.

Para quem participou do evento, um momento de transformação. “A Experiência foi incrível. Mesmo em tempos de pandemia, isso não nós atrapalhou. Quem pode estar lá pessoalmente pode sentir essa energia gostosa, assim como a espiritualidade. Isso é o que mais motiva a gente a ir na igreja. Ficar mais perto de Deus”, conclui Ana Laura.

26 anos. Natural de São João del-Rei. Secretário de Comunicação da Diocese de São João del-Rei, trabalhando no DEDICOM (Departamento Diocesano de Comunicação). Formado em Comunicação Social/Jornalismo pela Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ).