Alegria e emoção marcam ordenação presbiteral em Lavras

A Congregação dos Padres do Sagrado Coração de Jesus ganhou um novo sacerdote na tarde de sábado, 21. Após 13 anos de preparação o jovem, Maximiliano Delfino Cândido, recebeu o Sacramento da Ordem. A cerimônia aconteceu na Matriz de Sant’Ana, em Lavras, e reuniu diversos sacerdotes da congregação, seminaristas, religiosos, familiares, leigos e convidados da Alemanha.

A santa missa foi presidida pelo Bispo Diocesano de São João del-Rei, Dom José Eudes Campos do Nascimento, e concelebrada pelo Superior Provincial, padre Ronilton Souza de Araújo, pelo Conselheiro Geral da Congregação dos Padres do SCJ, padre Levi dos Anjos Ferreira, e pelo pároco da Paróquia Sant’Ana, padre Cristiano Francisco de Assis.

Em sua homilia, Dom José Eudes falou da importância de viver a espiritualidade, a santidade, a perseverança, a honestidade a serviço do Senhor e da comunidade. Dom Eudes relembrou o momento em que o jovem Maximiliano sentiu o chamado para a vocação. Fez memória as datas e os longos 13 anos de formação na Congregação dos Padres do Sagrado Coração de Jesus. “Além de rezar pelas vocações, sacerdotais e religiosas, queremos sempre padres em nossas comunidades, nas nossas paróquias; mas é preciso da nossa oração e incentivo a tantos jovens para esse despertar vocacional, na vida da nossa igreja”, destacou o bispo.

O rito da ordenação ocorreu durante a santa missa e foi acompanhado com muita alegria pela assembleia. Diácono Max estava emocionado. Depois de ser chamado a frente e apresentado para assembleia, Maximiliano foi questionado e prometeu seguir fielmente as funções como sacerdote, respeitar seus superiores religiosos e obedecê-los. Um dos momentos marcantes foi quando, em silêncio, o bispo impôs as mãos, sobre a cabeça de Maximiliano, e invocou o poder do Espírito Santo. O ato foi repetido por todos os sacerdotes presentes.

O momento foi de alegria para Maximiliano e também para o bispo. Já que essa foi a primeira ordenação presbiteral de Dom José Eudes como Bispo Diocesano de São João del-Rei. “Para mim foi uma alegria e uma felicidade muito grande receber o convite. Dos meus sete anos como bispo, essa foi a vigésima primeira ordenação que realizei e a primeira como bispo de São João del-Rei. Uma data que ficará marcada em minha vida, no meu ministério e na nossa Diocese”, comenta Dom Eudes.

Segundo o pároco, padre Cristiano, 2019 é um ano festivo, já que a Paróquia Sant’Ana celebra 95 anos da presença dos Padres do Sagrado Coração de Jesus, na cidade de Lavras, e 75 anos de Fundação do Seminário Dehonista. Para toda comunidade paroquial é um momento de alegria e júbilo receber esse presente de Deus, com uma belíssima Celebração de Ordenação Sacerdotal. “Gratidão a Deus que nos deu a oportunidade de experimentar bênçãos, conquistas e graças em nossa vida de comunidade. Desejo ao padre Max que ele tenha um ministério profícuo de bênção e seja comprometimento em viver o amor de Deus no testemunho do Evangelho e do Carisma da Congregação dos Padres do SCJ – sendo ‘Profeta do Amor e Ministro da Reparação’”, destacou padre Cristiano.

O pároco ainda demonstrou sua gratidão aos padres que estiveram envolvidos nos preparativos da ordenação, aos seminaristas, equipe de Santa Terezinha, aos benfeitores, colaboradores, ao SAV e as equipes Pastorais que reuniram e organizaram a logística da ordenação. “Que Deus abençoe a todos”, finalizou.

Após a celebração, padre Maximiliano comemorou junto aos amigos com um jantar festivo, em Lavras. Na manhã de domingo, 22, o neo-sacerdote celebrou a sua primeira missa, na Paróquia São João Nepomuceno, na cidade de Nepomuceno. Momentos de muita alegria e emoção para familiares e convidados.

Padre Maximiliano é natural de Nepomuceno, sul de Minas Gerais. Filho de Geovani Andriolo Cândido e de Maria José Delfino Cândido, o jovem de 30 anos ingressou no seminário dehonista de Lavras, da Congregação dos Padres do Sagrado Coração de Jesus, aos 17 anos, iniciando seu caminho vocacional. Sua etapa de formação inicial foi marcada por várias cidades, tanto no Brasil como no exterior.

Após completar o ensino médio em Lavras ele foi para a cidade de Brusque/SC, onde morou durante 3 anos. Ali ele estudou filosofia. Depois disso passou por outras etapas formativas em Terra Boa/PR e Barretos/SP. Os estudos de teologia ele realizou na cidade de Freiburg, na Alemanha, onde morou os últimos 6 anos. No final de 2018 ele retornou ao Brasil para ser ordenado diácono e também fez sua profissão religiosa perpétua.

Atualmente Maximiliano mora em Imperatriz/MA onde atuava como diácono e deve retornar, agora, como padre. “Pra mim é um momento muito especial estar aqui com os meus familiares, confrades e amigos. Sinto-me amado e acolhido no meio da comunidade paroquial da igreja Sant’Ana, de Lavras. Muitas pessoas envolvidas nesta grande celebração. Eu só tenho a agradecer a todos. Peço também as orações para que eu possa ser fiel no chamado de Deus e possa também cuidar bem do povo de Deus que me será confiado”, destaca o novo padre.

Informações: Lisa Fávaro

24 anos. Natural de São João del-Rei. Secretário de Comunicação da Diocese de São João del-Rei, trabalhando no DEDICOM (Departamento Diocesano de Comunicação). Formado em Comunicação Social/Jornalismo pela Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ).