Associação de Coroinhas celebra 50 anos de fundação com festa ao padroeiro

A Igreja celebra na próxima segunda-feira, 31, a memória de um santo de grande devoção popular. Criador dos oratórios, catequeses e orientações profissionais, São João Bosco é aclamado como pai e mestre da juventude. Um exemplo de sacerdote. Na Catedral Basílica Nossa Senhora do Pilar os fiéis poderão participar do tríduo preparatório, rasoura e veneração da relíquia. A festa é promovida pela Associação dos Coroinhas de Dom Bosco que, neste ano, completa 50 anos de serviço de acolitar as cerimônias litúrgicas e preservar o canto gregoriano, canto oficial da Igreja.

Fundada em Janeiro de 1972, pelo saudoso padre José Teixeira Pereira, a Associação de Coroinhas de Dom Bosco teve como objetivo inicial arrebanhar os meninos a estarem mais próximos da celebração eucarística. A atitude veio da inspiração e exemplo de Dom Bosco, fundador dos Salesianos.

Pertencente à Paróquia da Catedral Basílica de Nossa Senhora do Pilar, em São João Del-Rei, o movimento já contou com inúmeros jovens em sua atuação, todos, respeitando os três pilares: Educação, Piedade e Responsabilidade.

Para festejar o patrono, um tríduo vai ser iniciado na próxima sexta-feira, 28, no interior da igreja Matriz. Este ano a festa tem como tema “A nossa regra é Cristo” e conta com celebrações de missa festiva, procissão , canto do Te Deum laudamus e benção do Santíssimo Sacramento. Confira: