CNBB lança filme inspirado na Encíclica Laudato Si’ do Papa Francisco

O filme-documentário “A Carta”, inspirado na Encíclica Laudato Si’ do Papa Francisco, será lançado na sede da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), no próximo dia 3 de novembro, às 10h. São parceiros na realização desta ação, a CNBB e sua Comissão Episcopal Especial para a Amazônia, a REPAM-Brasil (Rede Eclesial Pan-Amazônica) e o Movimento Laudato Si’. O lançamento poderá ser acompanhado, ao vivo, nas redes sociais da CNBB (Youtube, Facebook e Twitter) e dos parceiros.

O filme, já lançado no Vaticano dia 4 de outubro passado, dia de São Francisco, aborda o poder da humanidade para deter a crise ecológica. Os protagonistas do documentário são um indígena da Amazônia, um refugiado do Senegal, uma jovem ativista indiana e dois cientistas estadunidenses. Vozes representando outras vozes, muitas vezes não ouvidas, sobre as questões críticas relacionadas às mudanças climáticas.

O documentário “A Carta”, disponível gratuitamente através de um serviço de streaming no canal YouTube, foi produzido pela equipe “Off the Fence”, vencedora de um Oscar, em colaboração com o Movimento Laudato si’ e os Dicastérios para a Comunicação e para a Promoção do Serviço do Desenvolvimento Humano Integral. O documentário também tem parceria do YouTube Originals.

Cerimônia de lançamento

A cerimônia de lançamento na CNBB vai contar com a presença do bispo auxiliar do Rio de Janeiro (RJ) e secretário-geral da entidade, dom Joel Portella Amado, e do coordenador para Iberoamérica do Movimento Laudato Si’, Igor Bastos, que fará uma apresentação do filme. O cacique Dadá Borari, do povo Indígena Maró, no Estado do Pará, um dos personagens que travam um diálogo com o Papa no filme, também estará no lançamento.

Como gesto simbólico, no encerramento do evento, será plantada uma muda de pequi por adolescentes do Centro de Convivência e Fortalecimento de Vínculos “Correndo Atrás de Um Sonho” que é mantido pela CNBB na região do Incra 8, em Brazlândia (DF). Os participantes também receberão um envelope, com a arte do filme, no qual constará trechos da Encíclica Papal Laudato Si’ e um QR code que dá acesso para assistir a versão brasileira no canal do Youtube Originals, e uma muda de semente do Cerrado.

Fonte: CNBB