“Coleta do Bem”, iniciativa da CNBB que unifica campanhas, será neste final de semana

A Igreja no Brasil realiza a “Coleta do Bem” neste fim de semana, 21 e 22 de novembro. “Coleta do bem” é o nome oficial da iniciativa que unifica a Coleta da Solidariedade (gesto concreto da Campanha da Fraternidade) com a Coleta da Campanha para a Evangelização, e será feita este ano em caráter extraordinário, devido à pandemia, nas dioceses de todo o país, durante a Solenidade de Cristo Rei .

Com o tema “É tempo de Cuidar da Evangelização” e lema “Conheceis a generosidade de Cristo” (2 Cor 8,9), a Coleta do Bem também está em sintonia com a Ação Solidária Emergencial da Igreja no Brasil, uma iniciativa da CNBB e Cáritas Brasileira. Nela, cada cristão é chamado a viver e refletir essa generosidade com amor, fé e co-responsabilidade.

Segundo o Subsecretário Adjunto Geral da CNBB, padre Dirceu Medeiros, é o momento de despertar a caridade e generosidade.

A campanha tem três grandes objetivos:

  • Mobilizar a comunidade, os homens e mulheres de boa vontade, a redescobrir a generosidade do amor de Cristo e revelá-la ao mundo por meio do gesto concreto de caridade e solidariedade, essência da identidade cristã;
  • Renovar a corresponsabilidade dos cristãos católicos, fomentando a consciência sobre sua participação, como exigência da graça batismal, na obra e ação evangelizadora da Igreja no Brasil e na sustentação de suas atividades pastorais;
  • Mobilizar os cristãos católicos para contribuírem no gesto concreto da campanha, a Coleta do Bem.

Na Diocese de São João del-Rei a porcentagem do dinheiro arrecadado é investido nos trabalhos pastorais, como explica o coordenador diocesano de pastoral, padre Marcos Alexandre.

Quem desejar doar à Coleta do Bem poderá fazê-lo de duas maneiras. Por meio da oferta nas missas e celebrações realizadas durante os dias 21 e 22 de novembro ou também poderá ser feita de forma simplificada e digital, por meio do site doe.cnbb.org.br. Neste site é possível acessar todo o material formativo, com fotos, vídeos e artes.

As doações são investidas no apoio a projetos de desenvolvimento comunitário, de geração de renda, superação da vulnerabilidade e também na sustentação da obra de Evangelização da Igreja no Brasil inteiro, incluindo seus projetos missionários em outros países.

25 anos. Natural de São João del-Rei. Secretário de Comunicação da Diocese de São João del-Rei, trabalhando no DEDICOM (Departamento Diocesano de Comunicação). Formado em Comunicação Social/Jornalismo pela Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ).