Com musicas e danças típicas Ibituruna inicia festa nesta sexta-feira, 17

Com grande alegria, devotos, visitantes e paroquianos da Paróquia São Gonçalo do Amarante, de Ibituruna, se reúne à partir desta sexta-feira, 17, para celebrar o padroeiro. Com danças típicas da região, a festa ganha proporção maior a partir de quinta-feira, 23.

A temática, neste ano, estará em sintonia com as Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil, como explica o pároco, padre Admilson Heitor de Paiva. Segundo o sacerdote, os paroquianos estão se mobilizando nas diversas formas. “Este ano, pela primeira vez, faremos barraquinha do pastel e refrigerante, sendo uma responsabilidade das pastorais, movimentos e comunidades. Houve um grande mutirão de limpeza da igreja matriz e a tradicional Dança de São Gonçalo já envolve os devotos da cidade e região desde já”, explica.

Durante todos os dias do novenário as danças tradicionais do povo ibiturunense se tornam ponto alto dos festejos. Padres e o povo de Deus soltaram suas vozes para aclamar São Gonçalo e não economizaram no gingado. Dom José Eudes Nascimento, bispo de São João del-Rei, presidirá o primeiro dia do novenário. Confira a programação completa:

Gonçalo de Amarante nasceu no fim do século XII em Tagilde, na freguesia de São Salvador, no distrito de Braga, em Portugal. Sob a orientação do Arcebispo de Braga, Gonçalo se dedicou ao estudo da teologia e ao sacerdócio. Depois de formado, passou 14 anos viajando pela Terra Santa, no Oriente Médio, e depois voltou para Portugal, onde se retirou como eremita na região de Amarante.

São Gonçalo morreu em 10 de janeiro de 1259 (ano incerto) na sua singela cabana de orações. O santo foi sepultado neste mesmo local, onde se construiu um grande mosteiro em sua homenagem.

25 anos. Natural de São João del-Rei. Secretário de Comunicação da Diocese de São João del-Rei, trabalhando no DEDICOM (Departamento Diocesano de Comunicação). Formado em Comunicação Social/Jornalismo pela Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ).