Evento de vicentinos reúne 2 mil pessoas em Ginásio de Lavras

A Sociedade São Vicente de Paulo realizou no último domingo, dia 01º, o Terceiro Viver Vicentino. O evento aconteceu no Ginásio do Lavras Tênis Clube e contou com a presença de 2 mil pessoas, incluindo a do bispo de São João del-Rei, dom José Eudes Campos do Nascimento.

O evento teve como tema “Uma Geração para viver o amor e a paz” e reuniu representantes de 40 cidades em que o Conselho Metropolitano dos Vicentinos, com sede em Barbacena, congrega. Este foi o terceiro evento realizado, o primeiro foi em Barbacena, em 2015, em 2017 foi a vez de Carandaí e este ano, em Lavras.

A programação teve início com a palavra do presidente do Conselho Metropolitano, Carlos Batista, e orações. Em seguida, houve a entrada do Relicário de São Vicente de Paulo, vindo do Conselho Central de Lavras.

Dentre os momentos de reflexão, foi abordado a temática “Vicentino: uma geração para viver amor e paz”, assessorado por Wallace Lucas Silva Costa. Outro tema trabalhado foi “Mestre e Senhores”, conduzido por Ada Ferreira. A programação contou com ainda com apresentações musicais, teatro e entrega do prêmios da Comissão de Jovens do Conselho Metropolitano.

O evento teve seu termino com a celebração da Santa Missa, presidida por Dom José Eudes Nascimento e o anúncio do 4º Viver Vicentino, previsto para 2021, na cidade de São João del-Rei.

A Sociedade de São Vicente de Paulo (SSVP) é uma organização formada por grupos de leigos católicos e voluntários que buscam ajudar os mais necessitados, promovendo a dignidade e integridade da pessoa, seguindo o exemplo do fundador e defensor da promoção humana, Antonio Frederico Ozanam.

As conferências vicentinas formam parte de uma comunidade de fé que contempla o Cristo no rosto do pobre, executando um serviço concreto e prático, em coordenação e amizade uns com os outros.

Fotografias: Ricardo Oswaldo – Pastoral da Comunicação (Pascom)

24 anos. Natural de São João del-Rei. Secretário de Comunicação da Diocese de São João del-Rei, trabalhando no DEDICOM (Departamento Diocesano de Comunicação). Cursa Comunicação Social/Jornalismo na Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ).