Paróquia adia festa de São Geraldo após igreja sofrer estragos em decorrência de chuva

Protetor das mães, das costureiras e intercessor das almas dos mortos, para um bom encaminhamento divino, São Geraldo Magela é aclamado por diversos títulos e reúne um grande numero de devotos.

Em São João del-Rei a novena em honra ao santo teria início nesta sexta-feira, dia 07, mas, devido as fortes chuvas de granizo ocorridas no início da semana, e os diversos estragos ocorridos no telhado da Igreja, a Paróquia São João Bosco – na qual pertence a comunidade – emitiu um comunicado adiando a festa para o mês de novembro. Veja:

Prezados coordenadores das comunidades, prezados membros das pastorais e movimentos e prezados paroquianos da Paróquia São João, paz e bem.

Diante do ocorrido com a capela da Comunidade São Geraldo por causa das fortes chuvas ocorridas nos dia 3 e 4 de outubro, que ocasionaram a destruição do telhado e o desabamento do forro, diante das recomendações da Defesa Civil, municipal e estadual, a coordenação da comunidade decidiu por adiar os festejos em honra ao seu santo padroeiro.

Sendo assim, a novena em preparação para a festa de São Geraldo foi adiada para os dias 7 a 15 de novembro. O dia maior, de festejar São Geraldo, acontecerá no dia 16 de novembro. Comunicamos também que a programação será a mesma que está sendo veiculada, mudando somente o mês, ou seja, passando de outubro para novembro.

Contamos com a compreensão e colaboração de todos, sabendo que toda e qualquer ajuda será muito bem-vinda. O Bairro sofre com várias famílias sem teto e que perderam tudo …
Rezemos por essas famílias que estão sofrendo com os danos causados pelas fortes chuvas dos últimos dias.

Abraços, que São Geraldo interceda por nós e que Deus abençoe a todos!

P. Ricardo Sávio do Sacramento, SDB
Pároco da Paróquia São João Bosco.

 

São Geraldo Magela queria seguir o caminho de Cristo e abdicou de todo o tipo de luxo ou riqueza. São Geraldo ainda tinha a fama de ser vidente, tendo ele previsto o dia de sua morte, em 16 de outubro de 1755, consumido pela tuberculose. O santo foi canonizado no dia 11 de dezembro de 1904, pelo papa Pio X.