Paróquia de Dores de Campos festeja padroeira

A Paróquia de Nossa das Dores, da cidade de Dores de Campos, celebrou nesta terça-feira, 15, a festa em honra à padroeira. A programação contou com transmissões de missas, live musical, novenário e procissão motorizada.

Segundo relatos a devoção teve na região no início de 1879, com a chegada da imagem de Nossa Senhora das Dores ao Povoado do Patusca. Vinda de Portugal, a escultura foi apresentada como uma doação do pradense Manoel Gonçalves de Assis. A história conta, ainda, que a ela teria vindo de trem até a Estação Ferroviária de Prados e que até o povoado teria sido transportada num carro de boi, acompanhada de uma grandiosa festa.

Remetendo aos relatos e reforçando a devoção que se perpetua há décadas, a comunidade realizou mais uma vez a Festa da Padroeira. Neste ano, a festa tem como tema central “Senhora das Dores, sinal de esperança e de consolação para o povo de Deus que caminha nas estradas da vida”, contemplando através de Maria a força para se enfrentar as tribulações como a pandemia no coronavírus.

“A nossa comunidade paroquial viveu um momento forte e intenso na caminhada de fé e espiritualidade nesta festa da padroeira, Nossa Senhora das Dores. Preparamos com muito esmero toda a programação. Este ano nossa proposta temática é inspirada no Documento do Concilio Vaticano II, na Constituição Dogmática Lumen Gentium, ajudando a compreender a figura de maria relacionando-a com o mistério de Cristo e da Igreja”, destacou o pároco, padre João Rodrigues.

A programação da festa contou ainda com carreata pela cidade e o evento on-line “Tributo à Nossa senhora das Dores”, uma live musical com cantores e músicos da cidade de Dores de Campos.

25 anos. Natural de São João del-Rei. Secretário de Comunicação da Diocese de São João del-Rei, trabalhando no DEDICOM (Departamento Diocesano de Comunicação). Formado em Comunicação Social/Jornalismo pela Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ).