Paróquias da Diocese acolhem novos párocos

Após a publicação da circular de Dom José Eudes informando as transferências de padres, a Diocese de São João del-Rei se viu em grande movimentação diante de diversas homenagens, umas de despedidas outras de acolhidas. Uma agenda intensiva que se concluiu na última sexta-feira, dia 19.

Segundo Dom Eudes, “as mudanças sempre provocam apreensão, o novo apresenta certo estranhamento, nem sempre é fácil recomeçar. Entretanto, é uma tarefa importante e necessária à boa condução da Igreja Particular. As transferências de padres não são atitudes isoladas ou sem sentido. São decisões tomadas após várias fases de amadurecimento e reflexão. O bispo, ao propor mudanças, o faz depois de ouvir os padres, conselhos e após oração e reflexão pessoal. A decisão de transferir visa o bem da Igreja e a renovação da Comunidade”, explica.

Em todos os lugares o bispo, Dom José Eudes Campos do Nascimento, presidiu a cerimonia, juntamente com outros padres diocesanos, paroquianos e visitantes. Em cada celebração é feita a leitura da provisão canônica assim como a profissão de fé e juramento de fidelidade do sacerdote empossado. Os sacerdotes também receberam a chave da igreja, juntamente com alguns símbolos.

Na segunda-feira, 15, foi a vez do padre José Roberto Vale tomar posse como pároco da Paróquia Santo Antônio em Itutinga. já na terça-feira foi padre Victor Bertulino que recebeu as atenções da comunidade paroquial de Itumirim. Na quinta-feira, 18, São Vicente de Minas acolheu seu novo pároco, Padre Antão Roberto Melo. A programação se culminou na sexta-feira com a celebração de Posse Canônica de padre José Walter na Paróquia Sagrado Coração de Jesus, em Minduri.

Dom José Eudes ainda destaca que são muitos os benefícios ao se tratar de transferências. “Para o padre é uma oportunidade de recomeço, de se reinventar no ministério. É ocasião de grande renovação de ânimo e de se conhecer novas realidades. Para a comunidade é o momento fértil de receber e conhecer outro pastor, que certamente trará consigo muita vontade de evangelizar. A paróquia também se renova com um novo padre, mesmo que o anterior tenha sido muito bom. A comunidade experimenta, com as mudanças, oportunidade de rever a caminhada e de se abrir a novos projetos e novas experiências. É inegável que mudar exige sacrifícios e renúncias. Mas também é inegável que traz benefícios incontáveis”, explica.

24 anos. Natural de São João del-Rei. Secretário de Comunicação da Diocese de São João del-Rei, trabalhando no DEDICOM (Departamento Diocesano de Comunicação). Formado em Comunicação Social/Jornalismo pela Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ).