Por que as práticas devocionais marianas são tão importantes para a evangelização?

A devoção a Nossa Senhora é uma constante na história do povo católico. Ao longo do processo evangelizador, a figura da Virgem – em suas imagens e devoções – passou a ser referenciada para além da recordação bíblica ou dogmática, ganhando novos contornos e chegando mais próxima da vida cotidiana do povo e suas afetividades. Maria foi adotada como “Mãe” de todos os devotos e passou a ser símbolo de carinho e referência. Elemento relevante para destacar a piedade do povo para com a Mãe de Jesus e difundir identidades de um povo. Mais que teatros, coroações e rezas do terço, as práticas devocionais marianas são verdadeiros estimuladores para a evangelização.