Procissão e Encontro de Orquestras marcam Semana da Música em Tiradentes

Fundada em 1718, Tiradentes é conhecida por sua beleza arquitetônica, preservação cultural e espiritualidade transcendente. Cercada pela Serra São José, a pequena cidade mineira se viu crescer ao som das musicas eruditas e serve de palco, desde 1860, para os concertos e apresentação da Sociedade Banda e Orquestra Ramalho.

Segundo conta no livro de receitas e despesas da irmandade de São Miguel e Almas, há um registro de 1719 onde menciona o pagamento a música. Este seria o primeiro  registro musical na cidade.

Para celebrar os 300 anos deste documento e a presença da musicalidade na região, a Paróquia Santo Antônio promove uma programação festiva até domingo, 24.

Até quinta-feira, dia 21, haverá celebração do tríduo em homenagem à Patrona da Música, Santa Cecília, às 19 horas, na Igreja São João Evangelista. Na sexta-feira, dia 22, haverá missa, procissão, benção e canto do Te Deum laudamus.

Já no domingo, dia 24, as atenções irão se concentrar na Igreja Matriz para o Segundo Encontro de Orquestras de Tiradentes, reunindo cinco orquestras tradicionais de música sacra no Brasil.

Entrevista Maestro Willer Silveira

Festividades em honra à Santa CecíliaLocal: Igreja São João EvangelistaEntrevista com Maestro Willer Silveira – Sociedade e Orquestra e Banda RamalhoApresentação: Anderson Lage

Posted by Paróquia de Santo Antônio – Tiradentes – MG on Wednesday, November 20, 2019

Sociedade Orquestra e Banda Ramalho

Fundada em 1860, a Sociedade Orquestra e Banda Ramalho conta com aproximadamente 30 músicos dentre adultos e crianças na composição atual. Além disso, oferta a qualquer um com mais de 8 anos e que se interesse em se juntar ao grupo e a aprender a tocar algum instrumento aulas gratuitas para qualquer faixa etária pela escolinha de música deles.

Para se inscrever é necessário comparecer na sede da banda, na Rua Jogo de Bola, s/n° – Centro Histórico, às segundas, terças ou quintas-feiras a partir das 18h30. Silveira destaca a importância da escolinha para a formação de musicistas que mais tarde formaram parte da Banda e continuarão a tradição.

Colaboração: Anderson Lage / Pascom

27 anos. Natural de São João del-Rei. Secretário de Comunicação da Diocese de São João del-Rei, trabalhando no DEDICOM (Departamento Diocesano de Comunicação). Formado em Comunicação Social/Jornalismo pela Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ).