Semana da Família chega ao fim após eventos de oração, conversa e formação

Após eventos e movimentações em diversas paróquias da diocese, chegou ao fim neste domingo, 18, a Semana Nacional da Família. A Semana temática tem o objetivo de aprofundar cada vez mais a missão na Igreja e na sociedade, na busca de conquistar um papel decisivo e central.

Em muitas paróquias da diocese a programação contou com celebrações de missas, orações do terço, rodas de conversas, palestras, caminhadas e até café compartilhado. Este ano a celebração teve como tema “A família, como vai?”, retomando a reflexão que marcou a Campanha da Fraternidade de 1994.

Segundo a professora Liliane Muffato, a temática proporcionou grandes questionamentos. “Como estão as nossas famílias? Como estamos atuando dentro da nossa comunidade? Como estamos criando nossos filhos? Essas foram algumas abordagens trabalhadas ao longo dessa semana. Foi uma boa reflexão”, destaca.

Para Cármine Jesus Silva, integrante da Pastoral Familiar, a semana temática é uma forma de incentivar as pessoas a ingressar na caminhada da igreja. “Hoje as famílias não estão se preocupando mais em estar se reunindo, dialogando, buscando as coisas de Deus. Essa Semana da família vem com a ideia de fazer com que as famílias saem da zona de conforto delas e participem das atividades da Igreja para que seja berço da verdade da palavra de Deus”.

A Semana Nacional da Família é promovida pela Comissão Nacional da Pastoral Familiar (CNPF) e Comissão Episcopal Pastoral para a Vida e a Família, da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). Teve início em 1992, como resposta ao desejo de se fazer alguma coisa em defesa e promoção da família, cujos valores vêm sendo agredidos sistematicamente na sociedade. É realizada sempre na segunda semana de agosto, mês vocacional e já faz parte do calendário das diversas dioceses e paroquias do país.

Na comunidade do Vila Rica, em Lavras, a data marcou o desfecho das comemorações na igreja da Sagrada família, pertencente à paróquia Nossa Senhora de Fátima. A programação contou com procissão e missa festiva.

24 anos. Natural de São João del-Rei. Secretário de Comunicação da Diocese de São João del-Rei, trabalhando no DEDICOM (Departamento Diocesano de Comunicação). Formado em Comunicação Social/Jornalismo pela Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ).