Setor de Campanhas da CNBB promove live da CF 2023 com foco nos subsídios para a educação

O Setor de Campanhas da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) anuncia a realização, a partir da próxima quarta-feira, 7 de dezembro, de uma série de lives de divulgação dos subsídios específicos da Campanha da Fraternidade (CF) 2023, com os organizadores e autores das publicações. A iniciativa poderá ser acompanhada nas redes sociais da CNBB e da Edições CNBB.

A primeira live já acontece na próxima quarta-feira, dia 7, das 17h às 17h30, e abordará os três subsídios da CF na Escola, com a mediação do assessor do Setor de Campanhas da CNBB, padre Jean Poul. Participam como convidados o assessor nacional da Pastoral da Educação, padre Júlio César Evangelista Resende, e o professor Marcelo Ribeiro, do Setor Educação da diocese de Colatina (ES).

“Nós esperamos com essas lives tornar os subsídios mais conhecidos e oferecer dicas às comunidades de como utilizá-los. O texto-base é o principal subsídio da CF, mas a partir dele esses outros subsídios são produzidos de acordo com diversas realidades para facilitar  aplicação e a reflexão da CF; por isso nós esperamos que eles sejam o mais parecidos e mais utilizados nas diversas realidades das nossas comunidades”, salienta o padre Jean Poul.

Além de tornar as publicações da CF 2023 conhecidas, o Setor de Campanhas da CNBB busca, por meio das lives, apresentar sugestões para se trabalhar o tema da CF 2023 nos ambientes escolares, com a juventude, na catequese e círculos bíblicos e nas famílias. As lives também apresentarão as propostas de retiro popular, de celebrações ecumênicas, da misericórdia e de Vigília Eucarística e a Via Sacra, entre outros.

Acompanhe a primeira edição da série #LivesCF2023 com foco na educação:


Calendários das próximas lives 

Confira as datas e as temáticas das próximas lives:

14/12 – Celebrações Ecumênica, da Misericórdia e Vigília Eucarística, das 17h às 17h30
21/12 – Jovens na CF (Jovens), das 17h às 17h30
28/12 – CF na Catequese e Círculos Bíblicos, das 17h às 17h30

Fonte: CNBB